Cuidado com carro ligado na garagem fechada

Cuidado com carro ligado na garagem fechada

Manter o carro ligado em ambientes fechados pode ser fatal, porque a inalação do gás carbônico causa a perda de consciência , danos no  sistema respiratório, sequelas  e morte. 

O ar condicionado ou sistema de aquecimento não aliviam ou minimizam esse efeito, muito pelo contrário, eles podem induzir os motoristas a cometer esse erro, pelo conforto de estar na climatização do veiculo no verão ou inverno, enquanto aguardam alguém ou atendem uma chamada no celular, por exemplo. 

O escapamento do carro joga o gás carbônico no ambiente e o ar condicionado puxa esse ar poluído para dentro do veículo. 

De acordo com especialistas, existe uma concentração tolerável de gás carbônico no sangue, que é de 35mm Hg a 45 mm Hg. Quando ultrapassa esse limite, inicialmente as pessoas entram em estado de sonolência, evoluindo para coma e parada respiratória.  A tolerência ou resistência para esse tipo de intoxicação varia de pessoa para pessoa, por esse motivo não existe uma regra ou número específico, então, o melhor é evitar tal exposição. 

Devemos redobrar a atenção para os carros que não tem a chave de ignição, sem o procedimento  de remover a chave, o motorista pode sem perceber deixar o carro ligado na garagem, nos Estados Unidos há vários registros de mortes e pessoas que tiveram algum dano celebral por esse tipo problema. 

Para sua segurança e dos passageiros, desligue o carro toda vez que estacionar em ambientes fechados.

Outros conteúdos